1. Chegado, pois, o dia oitavo, Moisés chamou Aarão e seus filhos, e os anciães de Israel, e disse a Aarão:

2. Toma da manada um novilho pelo pecado, e um carneiro para o holocausto, um e outro sem defeito, e oferece-os diante do Senhor.

3. Dirás aos filhos de Israel: Tomai um bode pelo pecado, um novilho e um cordeiro de ano e sem defeito, para o holocausto,

4. um boi e um carneiro, para sacrifício pacífico, e imolai-os diante do Senhor, oferecendo no sacrifício de cada um deles flor de farinha misturada com azeite. Com efeito, hoje o Senhor vos aparecerá,

5. Levaram, pois, à entrada do tabernáculo tudo o que Moisés lhes ordenara: ai, enquanto toda a multidão estava em pé,

6. Moisés disse: Isto é o quê o Senhor mandou: Fazei-o, e a sua glória vos aparecerá.

7. Depois disse a Aarão: Aproxima-te do altar, e sacrifica pelo teu pecado: oferece o holocausto, e roga por ti e pelo povo: depois de teres sacrificado a vítima pelo povo, ora por ele, como o Senhor ordenou.

8. Logo Aarão, aproximando-se do altar, imolou o novilho pelo seu pecado,

9. cujo sangue lhe apresentaram os seus filhos, no qual molhando ele o dedo, tocou as pontas do altar, derramando o resto aos pés do mesmo altar.

10. Queimou sobre o altar a gordura, os rins, e o redanho do figado, que são pelo pecado, conforme o Senhor tinha ordenado a Moisés:

11. as carnes, porém, e a pele consumiu-as pelo fogo fora dos acampamentos.

12. Imolou também a vítima do holocausto. Os Seus filhos apresentaram-lhe o sangue dela, e ele o derramou ao redor do altar.

13. Apresentaram-lhe também a mesma vítima cortada em pedaços juntamente com a cabeça e todos os membros: queimou tudo isto no fogo sobre o altar,

14. tendo primeiro lavado em água os intestinos e as patas.

15. E, sacrificando pelo pecado do povo, imolou o bode. Purificado o altar,

16. ofereceu o holocausto,

17. juntando ao sacrifício as libações, que se oferecem juntamente, e queimando-as sobre o altar, além das cerimônias do holocausto da manhã.

18. Imolou também o boi e o carneiro, vítimas pacíficas do povo: os seus filhos apresentaram-lhe o sangue, e ele derramou-o em roda sobre o altar.

19. Mas a gordura do boi, e a cauda do carneiro, e os rins com a sua gordura, e o redanho do figado,

20. puseram-nos sobre os peitos (das vítimas); e, depois de se terem queimado as gorduras sobre o altar,

21. Aarão pôs á parte o peito e a espádua direita (das vítimas), elevando-as diante do Senhor, como Moisés tinha ordenado.

22. Estendendo a mão para o povo, abençoou-o. Completado assim o sacrifício pelo pecado, o holocausto, e a oblação da vítima pacífica, desceu.

23. Moisés e Aarão, tendo entrado no tabernáculo da reunião, e tendo saido depois, abençoaram o povo. E a glória do Senhor apareceu a toda a multidão:

24. um fogo saído do Senhor devorou o holocausto e as gorduras que estavam sobre o altar. O povo, vendo isto, louvou o Senhor, lançando-se com o rosto por terra.





“Subamos sem nos cansarmos, sob a celeste vista do Salvador. Distanciemo-nos das afeições terrenas. Despojemo-nos do homem velho e vistamo-nos do homem novo. Aspiremos à felicidade que nos está reservada.” São Padre Pio de Pietrelcina