1. Estes são os preceitos e ordenações, que vós deveis cumprir na terra, que o Senhor Deus de vossos pais vos há-de dar, para a possuirdes todos os dias que andardes sobre a terra.

2. Destruí todos os lugares em que as nações, que haveis de subjugar, adoraram os seus deuses sobre os altos montes e colinas, e debaixo de qualquer árvore frondosa.

3. Derribai os seus altares, quebrai as suas estátuas, ponde fogo aos seus Ascherim, fazei em pedaços os ídolos e extingui os seus nomes daqueles lugares. (ver nota)

4. Não fareis assim com o Senhor vosso Deus,

5. mas ireis ao lugar que o Senhor vosso Deus escolher entre todas as vossas tribos, para aí pôr o seu nome e habitar nele,

6. e oferecereis neste lugar os vossos holocaustos e sacrifícios, os dízimos e as primeiras das vossas mãos, os vossos e dons, os primogênitos das vacas e das ovelhas.

7. Aí comereis na presença do Senhor vosso Deus, e vos regozijareis vós e as vossas famílias em todas as coisas que as vossas mãos adquirirem e com que o Senhor vosso Deus vos abençoar.

8. Não fareis nesse lugar o que nós fazemos hoje aqui, cada um o que bem Ihe parece,

9. porque ainda não chegastes ao repouso e herança, que o Senhor vosso Deus está para vos dar.

10. Passareis o Jordão, e habitareis na terra que o Senhor vosso Deus vos dará; então estareis seguros de todos os inimigos que vos cercam, e habitareis sem temor algum.

11. No lugar que o Senhor vosso Deus escolher para nele estar o seu nome, lá levareis todas as coisas que eu prescrevo, os holocaustos, os sacrifícios, os dízimos, as primícias das vossas mãos e tudo o que há de melhor entre os dons que oferecerdes, por voto, ao Senhor.

12. Aí vos banqueteareis diante do Senhor vosso Deus, vós, os vossos filhos e as vossas filhas, servos e servas, e o Levita que habita nas vossas cidades, porque ele não recebeu quinhão ou herança convosco.

13. Abstém-te de oferecer os teus holocaustos em qualquer lugar, que vires,

14. mas oferecê-lo-ás naquele que o Senhor tiver escolhido em uma das tuas tribos, e farás aí tudo o que te mando.

15. Se, porém, quiseres comer e gostares de comer carne, mata e come, segundo a bênção que o Senhor teu Deus te deu nas tuas cidades: tanto pode comê-la o impuro como o puro, como se come a gazela e o veado.

16. Somente não comerás o sangue, que espalharás sobre a terra como água.

17. Não poderás comer nas tuas cidades o dízimo do teu trigo, do teu vinho, do teu azeite, os primogênitos das vacas e das ovelhas, nem aquilo que ofereceres por voto, ou que voluntariamente quiseres oferecer, nem as primícias das tuas mãos,

18. mas comerás estas coisas diante do Senhor teu Deus, no lugar que o Senhor teu Deus tiver escolhido, tu e o teu filho e a tua filha, o servo, a serva, e o Levita, que habita nas tuas cidades; aí te alegrarás e te reconfortarás diante do Senhor teu Deus em todas as coisas que a tua mão tiver adquirido.

19. Abstém-te de abandonar o Levita durante todo o tempo que viveres sobre a terra.

20. Quando o Senhor teu Deus tiver dilatado os teus limites, como te prometeu, e tu quiseres comer das carnes que a tua alma deseja,

21. se estiver longe o lugar que o Senhor teu Deus escolheu, para nele estar o seu nome, matarás do gado graúdo ou miúdo que tiveres, como eu te ordenei, e comerás nas tuas cidades, como te aprouver.

22. Como se come carne de gazela e de veado, assim comerás destas carnes; comerá delas indistintamente o (homem) puro e impuro.

23. Abstém-te sòmente de comer o sangue, porque o sangue é vida, e, por isso, não deves comer a vida com a carne,

24. mas espalhá-lo-ás sobre a terra como água,

25. para que suceda bem a ti e aos teus filhos depois de ti, tendo feito o que é agradável aos olhos do Senhor,

26. Todavia as coisas que tiveres santificado e votado ao Senhor, tu as tomarás e irás ao lugar que o Senhor tiver escolhido;

27. aí oferecerás os teus holocaustos, carne e sangue, sobre o altar do Senhor teu Deus. Derramarás o sangue dos outros sacrifícios Sobre o altar, e comerás as carnes.

28. Observa e ouve tudo o que eu te ordeno, para que suceda bem a ti e aos teus filhos depois de ti perpètuamente, tendo feito o que é bom e agradável aos olhos do Senhor teu Deus.

29. Quando o Senhor teu Deus tiver exterminado diante de ti e das nações em que entrares para as possuir, quando as possuíres e habitares,

30. abstém-te de as imitar, depois que elas estiverem sido destruídas à tua entrada. Tem cuidado, não sigas os seus deuses, dizendo: Assim como estas nações adoraram os seus deuses, de mesmo modo também eu os adorarei.

31. Não farás assim com o Senhor teu Deus, porque elas fizeram pelos seus deuses todas as abominações, que o Senhor aborrece, oferecendo-lhes seus filhos e filhas, e queimando-os no fogo.

32. Faze sòmente em honra do Senhor aquilo que eu te ordeno; não acrescentes nem tires nada.





“Seja modesto no olhar.” São Padre Pio de Pietrelcina