Trouvé 371 Résultats pour: Jacó

  • “Oh, suplico-te – replicou Jacó – se ganhei teu favor, aceita este presente de minhas mãos; porque te contemplei como se contempla Deus, e me fizeste bom aco­lhimento.* (Gênesis 33, 10)

  • Jacó disse-lhe: “Tu vês, meu senhor, que os meninos são delicados; e tenho de cuidar das ovelhas e vacas que amamentam; se os fizer caminhar ainda um só dia, morrerá todo o rebanho. (Gênesis 33, 13)

  • “Permita-me ao menos – disse-lhe Esaú – deixar-te uma parte de meus homens.” “Não é necessário – disse Jacó – basta-me ter achado graça aos olhos do meu senhor!” (Gênesis 33, 15)

  • Jacó partiu para Sucot, onde, tendo edificado uma casa, cons­truiu também cabanas para o seu rebanho. Daí o nome de Sucot dado a esse lugar.* (Gênesis 33, 17)

  • De volta de Padã-Aram, Jacó chegou sem contratempos à cidade de Siquém, na terra de Canaã. E acampou diante da cidade. (Gênesis 33, 18)

  • Dina, a filha que Lia tinha dado a Jacó, saiu para ver as filhas da região. (Gênesis 34, 1)

  • Seu coração prendeu-se a Dina, filha de Jacó: ele amou a jovem, e soube falar-lhe ao coração. (Gênesis 34, 3)

  • Ora, Jacó soube do ultraje que ele tinha feito à sua filha, mas, como seus filhos estivessem no campo com o rebanho, não disse nada até que voltassem. (Gênesis 34, 5)

  • Hemor, pai de Siquém, veio ter com Jacó para lhe falar. (Gênesis 34, 6)

  • Quando os filhos de Jacó, voltando do campo, souberam o que se tinha passado, indignaram-se muito, porque Siquém se tornara culpado de uma grande infâmia contra Israel, dormindo com a filha de Jacó, coisa que não devia fazer. (Gênesis 34, 7)

  • Os filhos de Jacó deram a Siquém e a Hemor uma resposta dolosa, porque Siquém havia ultrajado sua irmã Dina e lhes disseram: (Gênesis 34, 13)

  • O jovem não tardou em fazer o que se lhe pedia, porque estava enamorado da filha de Jacó. Era o homem mais considerado de sua família. (Gênesis 34, 19)


O maldito “eu” o mantém apegado à Terra e o impede de voar para Jesus. São Padre Pio de Pietrelcina