18. Veneruntque ad eum fratres sui et proni coram eo dixerunt: “Servi tui sumus”.





“Tenhamos sempre horror ao pecado mortal e nunca deixemos de caminhar na estrada da santa eternidade.” São Padre Pio de Pietrelcina