10. Tive confiança mesmo quando disse: "Estou muito aflito."

11. Eu disse no meu pavor: "Todo o homem é falaz!"

12. Que darei eu em retribuição ao Senhor, por todos os benefícios que me tem feito?

13. Tomarei o cálice da salvação, e invocarei o nome do Senhor.

14. Cumprirei os meus votos ao Senhor, diante de todo o seu povo.

15. É preciosa aos olhos do Senhor a morte dos seus santos.

16. Ó Senhor, eu sou teu servo, eu sou teu servo e filho da tua escrava: quebraste as minhas cadeias.

17. Eu te oferecerei um sacrifício de louvor, e invocarei o nome do Senhor.

18. Cumprirei os meus votos ao Senhor, diante de todo o seu povo,

19. nos átrios da casa do Senhor, no meio de ti, ó Jerusalém.





“Não se fixe voluntariamente naquilo que o inimigo da alma lhe apresenta.” São Padre Pio de Pietrelcina