1. Cantai ao Senhor um cântico novo; cantai ao Senhor, todas as terras.

2. Cantai ao Senhor, bendizei o seu nome, anunciai todos os dias a sua salvação.

3. Anunciai entre as gentes a sua glória, entre todos os povos as suas maravilhas.

4. Em verdade, o Senhor é grande e muito digno de louvor, é mais temível que todos os deuses,

5. Porque todos os deuses das gentes são ficções, e o Senhor é que fez os céus.

6. Majestade e magnificência precedem-no; poder e esplendor estão na sua morada santa.

7. Tributai ao Senhor, ó famílias dos povos, tributai ao Senhor glória e poder;

8. tributai ao Senhor a glória devida ao seu nome. Oferecei um sacrifício e entrai nos seus átrios;

9. adorai o Senhor em ornamentos sagrados. Trema toda a terra na sua presença;

10. dizei entre as gentes: Reina o Senhor. Consolidou o orbe para que não vacile; rege os povos com equidade.

11. Alegrem-se os céus, e regozije-se a terra, ressoe o mar e o que ele contém (ver nota)

12. rejubile o campo e todas as coisas que nele há. Então se regozijarão todas as árvores da selva,

13. à vista do Senhor, porque vem, porque vem governar a terra. Governará o mundo com justiça, e os povos com a sua fidelidade.





“O passado não conta mais para o Senhor. O que conta é o presente e estar atento e pronto para reparar o que foi feito.” São Padre Pio de Pietrelcina